VÍDEO: Cristiano Matheus é acusado de agredir e colocar de casa para fora a mãe de seu filho recém-nascido

Após temporada de amor Cristiano Matheus e Mayane Souza se agridem e caso vai parar na polícia

O ex-prefeito da cidade de Marechal Deodoro, na Grande Maceió, Cristiano Matheus (PMDB), volta as páginas policiais após ser acusado de enriquecimento ilícito e outros crimes contra o patrimônio enquanto era prefeito.

Dessa vez Cristiano Matheus, que é radialista e já apresentou um programa policial da TV Ponta Verde, é acusado de agredir a ex-companheira, a publicitária Mayane Souza.

Vídeos postados em Redes Sociais mostram o político no apartamento onde a publicitária reside e onde aconteceu uma áspera discussão seguida de agressão. O imóvel é localizado no bairro da Ponta Verde, orla de Maceió.

Cristiano já foi casado com a secretária estadual de Cultura, Melina Torres Freitas, ex-prefeita da cidade alagoana de Piranhas e filha do desembargador Washington Luiz Damasceno Freitas, afastado da presidência do Tribunal de Justiça (TJ) acusado de tramar os assassinatos de três magistrado. Melina é acusado de desviar cerca de R$ 16 milhões da prefeitura.

SAIBA MAIS   VÍDEO: Desembargador é investigado pelo envolvimento em três assassinatos

Ministra do STJ pede afastamento de Washington Luiz da presidência do TJ de Alagoas

Justiça bloqueia bens da filha de presidente afastado do TJ de Alagoas

Em um dos vídeos, Mayane, que gravou as imagens com seu próprio aparelho celular, grita para Cristiano pedindo que o berço e o quarto do filho recém-nascido do casal não sejam desmontados e retirado do apartamento onde mãe e a criança moram.

O caso aconteceu na terça-feira (27) logo após Mayane que ainda estava da maternidade, onde deu à luz a criança, ser informada que o ex-companheiro havia invadido o apartamento onde estaria desmontando o quarto do bebe. Mesmo desobedecendo ordem médica a mulher foi ao imóvel tentar, segundo ela, impedir de forma amigável, o que o ex-companheiro pretendia fazer.

Mas a tentativa de acordo se tornou uma discussão entre Mayane e Cristiano, que a teria empurrado, dirigindo-se à mulher com palavras de baixo calão e atirado um vaso em direção a mulher de resguardo, que, no entanto, não foi atingida

Durante a quarta-feira (28), Mayane foi ouvida na Delegacia da Mulher, que deve encaminhar ao juiz plantonista a solicitação da medida protetiva, para que Cristiano fique afastado da ex-companheira e garanta que a mulher permaneça morando no apartamento

Redação                                                        

Informações sobre este caso devem ser feitas ao Disque Denúncia, através do telefone 181. A ligação é gratuita e o denunciante não precisa se identificar. A informação também pode ser dada através do site DISQUE DENÚNCIA